Rastreio por FIT

O cancro colorretal (CCR) é um dos cancros mais frequentemente diagnosticados. As boas notícias são que a incidência e a mortalidade do CCR podem ser significativamente reduzidas em caso de deteção precoce.

Os testes imuno-histoquímicos fecais (faecal immunochemical tests, FIT) são não invasivos e podem detetar sangue invisível a olho nu nas fezes. Dada a sua simplicidade, os FIT são atualmente considerados a melhor opção não invasiva para rastreio do CCR.

Invista um bocadinho de tempo na sua própria saúde realizando o FIT para prevenir ou detetar precocemente o cancro do cólon. Para mais informação, visite a nossa página de internet “FIT no rastreio” www.fitscreening.eu/patients

  • GROWING YOUR KNOWLEDGE
    GROWING YOUR KNOWLEDGE
  • DEVELOPING YOUR SKILLS
    DEVELOPING YOUR SKILLS
  • HARVESTING EXPERTISE
    HARVESTING EXPERTISE

Eritrócitos nucleados (Nucleated red blood cells – NRBC)

Mais que uma correção de erros


Uma vez que os eritrócitos nucleados (NRBC) apresentam uma dimensão e núcleo semelhante aos linfócitos, muitos analisadores hematológicos podem classificar erradamente os NRBC e produzir uma contagem total errada de leucócitos e linfócitos.

Normalmente estas amostras são marcadas para análise microscópica. É então necessário proceder à contagem manual dos eritrócitos nucleados no esfregaço sanguíneo, para proceder à correção da contagem total de leucócitos e linfócitos. Este é um procedimento caro, aborrecido e atreito a erros. Para além disso, caso a amostra não seja assinalada, a presença de eritrócitos nucleados pode permanecer indetetável originando uma contagem de leucócitos e linfócitos incorretamente elevada. Muitos acreditam ainda no entanto que a contagem automatizada de eritrócitos nucleados não é mais do que uma forma de corrigir estas contagens. Contudo, o valor clínico da medição de eritrócitos nucleados ultrapassa largamente a correção da contagem de leucócitos e linfócitos.

Os eritrócitos nucleados são considerados um reflexo de aumentos extremos da atividade eritropoiética, como sucede em episódios hemolíticos agudos e de stress hipóxico severo, ou como resultado de uma doença maligna hematológica, incluindo muitas leucemias e síndromes mielodisplásicas, bem como alguns tipos de linfoma. Os eritrócitos nucleados podem também estar presentes em caso de síndromes talassémicas, metástases de tumores sólidos na medula óssea, hematopoiese extracelular e outras patologias que envolvam stress hematopoiético, tais como sépsis, ou hemorragias massivas. Nestas situações, a sua presença correlaciona-se com a severidade da doença. Observou-se que a entidade e duração da presença de eritrócitos nucleados no sangue periférico se encontra associada a maus prognósticos em várias doenças hematológicas e não hematológicas.

Quando usar os eritrócitos nucleados?

As contagens de eritrócitos nucleados fornecidas em muitos dos nossos analisadores são usadas frequentemente em recém-nascidos e crianças pequenas. Nestes doentes, a presença de eritrócitos nucleados pode ser fisiológica e atingir valores elevados - é possível atingir valores até 100 eritrócitos nucleados/100 leucócitos em bebés prematuros - que são utilizados para corrigir os valores de leucócitos. Isto é particularmente útil no caso de doentes do serviço de neonatalogia ou pediatria, ou doentes provenientes de consultórios pediátricos particulares.

A contagem de eritrócitos nucleados é também útil no caso de doentes com anemias severas, particularmente doentes com talassemia ou anemia falciforme, os quais apresentam também habitualmente valores elevados para os eritrócitos nucleados. A contagem de eritrócitos nucleados é importante no diagnóstico diferencial e pode apoiar a monitorização do doente para determinar as necessidades transfusionais.

A contagem de eritrócitos nucleados é importante em todos os doentes dos cuidados intensivos (uma vez que a deteção de eritrócitos nucleados pode indicar um risco aumentado de mortalidade) e em doentes com qualquer patologia que induza stress hematopoiético, tal como infeção severa, hipóxia ou hemorragia aguda massiva. Estas situações podem também conduzir à presença de eritrócitos nucleados circulantes.

Benefícios

Os analisadores Sysmex fornecem contagens sofisticadas de eritrócitos nucleados, com valores exatos para contagens elevadas e baixas. A exatidão é necessária uma vez que:

  • Nas amostras de sangue de recém-nascidos e noutras amostras com valores elevados de eritrócitos nucleados, é necessário proceder à correção das contagens de leucócitos.
  • Em amostras de adultos, mesmo valores reduzidos na contagem de eritrócitos nucleados podem revestir-se de relevância clínica.


Uma vez que usamos um reagente diferente para a deteção de eritrócitos nucleados, o nosso método envolve a contagem real das células e não apenas uma estimativa. A contagem de eritrócitos nucleados é rápida e económica e os nossos analisadores emblemáticos da série XN, incluem este parâmetro em todas as medições. Nos analisadores da nossa X-Class, o parâmetro é determinado quando necessário. Os resultados dos eritrócitos nucleados são apresentados como % (por 100 leucócitos) e em número (por µl).

Utilização dos eritrócitos nucleados em rotina

Em adultos saudáveis, o valor da contagem automática de eritrócitos nucleados num analisador hematológico deve ser zero! Em doentes cuja saúde não esteja em perfeitas condições, o benefício mais importante da contagem de eritrócitos nucleados é a exclusão de falsos positivos para valores elevados na contagem de leucócitos. Isto poderia conduzir a um diagnóstico e tratamento incorretos, em particular no caso de recém-nascidos com sépsis e contagens de leucócitos baixas. Para além disso, a contagem de eritrócitos nucleados deveria ser incluída na rotina de todas as amostras pediátricas e de recém-nascidos. Recomenda-se fortemente no caso de doentes adultos severamente doentes, uma vez que pode ser indicador de que os doentes necessitam de cuidados e tratamento especiais.

Contagem de granulócitos
imaturos (IG)

Fração de plaquetas
imaturas (IPF)

Equivalente de hemoglobina
dos reticulócitos (RET-He)

Granulação de
neutrófilos (NEUT-SSC)

Eritrócitos hipo-hemoglobinisados
e eritrócitos hiper-hemoglobinisados
(%HYPO-He, %HYPER-He)

As populações de eritrócitos
microcíticos e macrocíticos
(%MicroR, %MacroR)

Eritrócitos
fragmentados (FRC)

O nosso Glossário

Lista alfabética de termos científicos

Explore o nosso glossário
Growing your knowledge
Visite a nossa Academia
Aumente o seu conhecimento
Desfrute do nosso centro multimédia
Tudo
  • Tudo
  • Documentos
  • Podcast
  • Imagens
  • Vídeos
Veja o vídeo
Consulte a nossa coleção